Procurador da República ministra palestra em Avaré e incentiva jovens a lutarem por um País melhor

Ele é conhecido pela busca por um país melhor e seu nome representa uma luta incansável contra a corrupção no Brasil. Deltan Dallagnol, com seus 33 anos, é atualmente o Procurador da República e Coordenador da Força-Tarefa da Operação Lava Jato.

Na noite de segunda-feira, 25, o jurista esteve em Avaré, onde ministrou a palestra intitulada “A Luta Contra Corrupção”. Na oportunidade Deltan contou como recebeu o convite para integrar a Força-Tarefa da Laja Jato e como a corrupção corrói a democracia.

“Lutar contra a corrupção é uma questão de realização dos direitos humanos e de construção de um país melhor e é isso que faz valer a pena”, disse.

Em seu discurso, o procurador ressaltou que muitas pessoas desacreditam no país, mas que é preciso que jovens e adultos cultivem a prática do voto consciente, que cobrem mais preparo dos políticos e que não deixem de acreditar em um Brasil melhor.

“Com 17 anos eu tinha o sonho de contribuir com o Brasil. Hoje isso me custa falta de privacidade, menos tempo com a família, noites mal dormidas e tantas outras privações. Porém, esse é o preço para lutar por um país mais ético e integro”, disse.

Na oportunidade, Deltan disse que o preço da corrupção afeta a saúde, a educação, a segurança pública e tantos outros serviços que estão diretamente ligados a população.

“Quanto menor a corrupção, maior é o desenvolvimento do governo, a competitividade entre as empresas e um país melhor para todos nós”, ressaltou.

Realizado pelo Centro Universitário UniFSP o evento contou com a participação de alunos da instituição, advogados, imprensa e convidados. Você pode conferir trechos da palestra através do vídeo abaixo.